Sipam prevê risco de temporais em Rondônia na sexta-feira, 11

Notícias - sexta-feira, 11/10/2019 às 08h38min
Sipam prevê risco de temporais em Rondônia na sexta-feira, 11
Sipam prevê risco de temporais em Rondônia na sexta-feira, 11

 

A meteorologia do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) informou, nesta quinta-feira (10), que há risco de temporais em regiões de Rondônia, como Vale do Guaporé, Cone Sul e extremo oeste de Porto Velho, para a próxima sexta-feira (11). No boletim do tempo, a divisão prevê que poderão ocorrer “pancadas de chuvas seguidas de trovoadas”.

O céu deverá amanhecer nublado e permanecer assim durante todo o dia. A temperatura na capital Porto Velho na sexta-feira está prevista para variar entre a mínima de 23ºC e máxima de 31ºC. A umidade relativa do ar deve oscilar entre a mínima de 40% e a máxima de 85%.

Em Vilhena (RO), região do Cone Sul, os termômetros na sexta devem marcar mínima de 21ºC e a máxima de 30ºC. A umidade na cidade está prevista para ser de 40% a mínima e 90% a máxima.

Confira a previsão do tempo para outras cidades na sexta:

Município        Mínima     Máxima     Umidade
Ji-Paraná           23ºC          34ºC           Mínima: 40% Máxima: 90%
Cacoal               22ºC          33ºC           Mínima: 40% Máxima: 90%
Ariquemes        22ºC          35ºC           Mínima: 40% Máxima: 85%
Guajará-Mirim  23ºC          32ºC           Mínima: 40% Máxima: 90%

 

Novo alerta do Inmet
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um novo alerta para chuvas intensas. A atenção, de cor amarela, se estende até a manhã de sexta-feira e é destinada a 52 municípios, incluindo Porto Velho.

O primeiro alerta de atenção a chuvas intensas ocorreu na última quarta-feira (8) para 46 cidades de Rondônia.

Confira a previsão do tempo na sua cidade:

Inmet dispara novo alerta amarelo para chuvas intensas. — Foto: Inmet/Divulgação

De acordo com o órgão, apesar das precipitações de 20 a 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros por dia, há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

A recomendação do Instituto é para que a população evite enfrentar o mau tempo, observe alteração nas encostas e evite ainda usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

Fonte: G1


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email

%d blogueiros gostam disto: