Servidora pública é encontrada morta após postagens sobre depressão

Notícias - quarta-feira, 24/07/2019 às 14h01min • Atualizado 14h15min
Servidora pública é encontrada morta após postagens sobre depressão

A morte da servidora pública Sandra Oliveira(foto), de 29 anos de idade, nesta última terça-feira (23) na cidade de Ariquemes, interior do estado de Rondônia, chamou a atenção para uma triste doença que vem assolando a sociedade brasileira, a depressão. Veja mais!

A servidora vinha constantemente publicando sua condição nas redes sociais. Na tarde desta última segunda-feira (22), ela publicou que estaria com a “decisão tomada”, o que parecia anunciar a tragédia.

O velório acontece na igreja Global, o sepultamento está previsto para as 16h30 desta quarta-feira (24) em Ariquemes. Veja mais!

O que é Depressão

Depressão é uma doença psiquiátrica crônica e recorrente que produz uma alteração do humor caracterizada por uma tristeza profunda, sem fim, associada a sentimentos de dor, amargura, desencanto, desesperança, baixa autoestima e culpa, assim como a distúrbios do sono e do apetite.

É importante distinguir a tristeza patológica daquela transitória provocada por acontecimentos difíceis e desagradáveis, mas que são inerentes à vida de todas as pessoas, como a morte de um ente querido, a perda de emprego, os desencontros amorosos, os desentendimentos familiares, as dificuldades econômicas etc.

Diante das adversidades, as pessoas sem a doença sofrem, ficam tristes, mas encontram uma forma de superá-las. Nos quadros de depressão, a tristeza não dá tréguas, mesmo que não haja uma causa aparente. O humor permanece deprimido praticamente o tempo todo, por dias e dias seguidos. Desaparece o interesse pelas atividades que antes davam satisfação e prazer e a pessoa não tem perspectiva de que algo possa ser feito para que seu quadro melhore.

A depressão é uma doença incapacitante que atinge por volta de 350 milhões de pessoas no mundo. Os quadros variam de intensidade e duração e podem ser classificados em três diferentes graus: leves, moderados e graves. Além disso, ela também pode atingir crianças. e adolescentes.

Vídeo: Dr. Drauzio fala sobre depressão na adolescência

CAUSAS DA DEPRESSÃO

Existem fatores genéticos envolvidos nos casos de depressão, doença que pode ser provocada por uma disfunção bioquímica do cérebro. Entretanto, nem todas as pessoas com predisposição genética reagem do mesmo modo diante de fatores que funcionam como gatilho para as crises: acontecimentos traumáticos na infância, estresse físico e psicológico, algumas doenças sistêmicas (ex: hipotireoidismo), consumo de drogas lícitas (ex: álcool) e ilícitas (ex: cocaína), certos tipos de medicamentos (ex: anfetaminas).

Mulheres parecem ser mais vulneráveis aos estados depressivos em virtude da oscilação hormonal a que estão expostas principalmente no período fértil.

SINTOMAS DA DEPRESSÃO

Além do estado deprimido (sentir-se deprimido a maior parte do tempo, quase todos os dias) e da anedonia (interesse e prazer diminuídos para realizar a maioria das atividades) são sintomas da depressão:

  • Alteração de peso (perda ou ganho de peso não intencional);
  • Distúrbio de sono (insônia ou sonolência excessiva  praticamente diárias);
  • Problemas psicomotores (agitação ou apatia psicomotora, quase todos os dias);
  • Fadiga ou perda de energia constante;
  • Culpa excessiva (sentimento permanente de culpa e inutilidade);
  • Dificuldade de concentração (habilidade diminuída para pensar ou concentrar-se);
  • Ideias suicidas (pensamentos recorrentes de suicídio ou morte);
  • Baixa autoestima,
  • Alteração da libido.7

Muitas vezes, no início, os sinais da enfermidade podem não ser reconhecidos. No entanto, nunca devem ser desconsideradas possíveis referências a ideias suicidas ou de autodestruição.

TRATAMENTO DA DEPRESSÃO

Depressão é uma doença que exige acompanhamento médico sistemático. Quadros leves costumam responder bem ao tratamento psicoterápico. Nos outros mais graves e com reflexo negativo sobre a vida afetiva, familiar e profissional e em sociedade, a indicação é o uso de antidepressivos com o objetivo de tirar a pessoa da crise.

Existem vários grupos desses medicamentos que não causam dependência. Apesar do tempo que levam para produzir efeito (por volta de duas a quatro semanas) e das desvantagens de alguns efeitos colaterais que podem ocorrer, a prescrição deve ser mantida, às vezes, por toda a vida, para evitar recaídas. Há casos de depressão que exigem a associação de outras classes de medicamentos – os ansiolíticos e os antipsicóticos, por exemplo – para obter o efeito necessário.

Vídeo: Dr. Drauzio explica como funcionam os antidepressivos, explica como eles devem ser usados e como proceder quando é hora de interromper o tratamento.

Se você tem sintomas de depressão, procure imediatamente um Centro de Apoio perto de você como os CAPS e os CVVS. O telefone de emergência para prevenção de suicídios do CVV é o número 188.

Fonte: Jornal Rondônia - Edição


4 Comentários

  1. Mariana disse:

    Eu tenho depressa mas fazia tempo que não sentia .Estava morando em curitiba precisei voltar pra ariquemes tenho que ficar aq até o final do ano , entraram na minha casa e roubaram várias coisas isso me deixou muito abalada me senti no fundo do posso e não consigo arrumar emprego isso me deixa muito deprimida , já pensei em suicídio várias vezes. É MUITA tortura psicológica fico muito deprimida e tenho crises de choro. 😟😢

    • Boa tarde, Se você tem sintomas de depressão, procure imediatamente um Centro de Apoio perto de você como os CAPS e os CVVS. O telefone de emergência para prevenção de suicídios do CVV é o número 188.

  2. Adriana disse:

    Eu tenho 31 anos faço tratamento contra depressão mais devido a problemas familiares deste de 2018 to enfrentando todos tipos de decepção agonias e pressão já tentei suicídio tomei remédio para mim mata as vezes mim sinto triste e sem vontade pra nada. Tem dias que tô tão feliz mais tem dias quem nem vontade da de levanta da cama. tomando medicação mais mesmo assim mim sinto sozinha as vezes estou em reunião de família todos alegres maia mesmo junto a eles mim sinto sozinha.e a pior sensação.Maia com Deus tudo e possível e meus filhos mim fortalecer muito.

    • Bom dia, Se você tem sintomas de depressão, procure imediatamente um Centro de Apoio perto de você como os CAPS e os CVVS. O telefone de emergência para prevenção de suicídios do CVV é o número 188.

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email