Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2022

PONTE, SEGUNRANÇA E SAÚDE DO GOVERNO DE RONDÔNIA

Rapaz abandonado no altar por missionária nega ter reatado casamento

Interior - quinta-feira, 02/12/2021 às 13h34min
Rapaz abandonado no altar por missionária nega ter reatado casamento
Foto: Divulgação

Banner publicitário das ações do Governo de Rondônia

O Folha do Sul Online tentou entrevistar um comerciário de Vilhena que, na semana passada, foi protagonista de um episódio que ganhou as manchetes em Rondônia: após se casar no civil com uma missionária evangélica, ele foi abandonado no altar pela noiva, que fugiu com um pastor antes da cerimônia religiosa.

Diante das informações de que o ex-noivo teria perdoado a traição e reatado o relacionamento, o site o procurou, mas ele negou ter retomado o casamento. Abalado psicologicamente, o funcionário de uma empresa do comércio que funciona na região central de Vilhena, disse que não quer mais tocar no assunto.

Segunda Dose de Dezembro

A reportagem apurou que o caso pode ir parar na justiça, como aconselharam leitores deste site, ao condenar a atitude da noiva “fujona”. A maioria dos internautas se solidarizou com a vítima da traição.

Caso a ação seja mesmo aberta na justiça (a vítima não confirma se tem essa intenção), são grandes as possibilidades de a religiosa ser condenada e obrigada a pagar indenização por danos morais ao marido exposto à situação vexatória.

O site ligou também para a Igreja Assembléia de Deus em Ouro Preto do Oeste, da qual faz parte a pregadora responsável pelo escândalo, mas o pastor responsável pela denominação disse que irá aguardar o desenrolar do caso para se manifestar.

PONTE, SEGUNRANÇA E SAÚDE DO GOVERNO DE RONDÔNIA

Fonte: Folha do Sul Online


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email

Banner publicitário Doutor Potência