Internet de alta velocidade pode chegar às Estações Cidadania

Cultura - quarta-feira, 07/08/2019 às 10h07min • Atualizado 10h08min
Internet de alta velocidade pode chegar às Estações Cidadania
Internet de alta velocidade pode chegar às Estações Cidadania

Parceria entre o governo federal e o Google no Brasil foi discutida nesta terça-feira (6), em Brasília. No radar, está a possibilidade de se disponibilizar redes de internet sem fio, de alta velocidade, nas Estações Cidadania. A tecnologia é viabilizada pelo Google Station, serviço que permite a implantação de pontos de acesso de Wi-Fi em locais públicos. A possibilidade de parceria foi discutida entre o secretário especial da Cultura do Ministério da Cidadania, Henrique Pires, e representantes da Google – o diretor de Relações Governamentais e Políticas Públicas, Marcelo Lacerda, e a gerente de Políticas Públicas, Juliana Nolasco.

Para o secretário especial da Cultura, a tecnologia pode colaborar para que a população tenha acesso a outros serviços oferecidos no espaço. “A inclusão digital é uma grande porta de entrada para uma série de outras iniciativas além do acesso à cultura, como capacitação para o mercado de trabalho ou até na área de saúde”, afirmou.

Pires ainda lembra que o alcance das estações chega à segurança pública: “Neste momento estamos qualificando as Estações. Muitas vezes localizadas em áreas degradadas, este tipo de unidade ajuda na diminuição dos índices de violência, por exemplo, porque as pessoas se apropriam dos espaços”. Ficou acordado que tanto a Secretaria Especial da Cultura quanto a empresa irão verificar a viabilidade de implantação e de acordos para que a iniciativa seja executada.

Além das Estações Cidadania, também foi avaliada a digitalização do acervo de bibliotecas geridas pelo governo federal e a possibilidade de parceria na ferramenta Google Arts and Culture, que permite explorar exposições e mostras de museus em todo o mundo. “O Google está no Brasil há quase 15 anos e temos o papel de colaborar em todas as áreas possíveis que a tecnologia e o mundo digital possam promover para a sociedade. Entendemos que a cultura é primordial. É uma via de mão dupla porque damos a possibilidade de acesso pelo usuário e o museu pode levar seu acervo para todo o mundo. Pretendemos continuar e fortalecer as parcerias”, analisou o diretor do Google.

Participaram também do encontro o secretário de Infraestrutura Cultural do Ministério da Cidadania, Paulo Nakamura, e o presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Paulo Amaral.

Sobre a Estação Cidadania
A estação reúne ações de cultura, esportes e assistência social, além de políticas de prevenção à violência, em um único espaço. Em 2019, 13 Estações Cidadania já foram inauguradas pelo do País. A gestão do local é compartilhada entre as prefeituras e a comunidade, com a formação de um grupo gestor composto pela sociedade civil organizada, moradores e secretarias municipais.

Fonte: Cultura.gov


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email