Fisioterapeuta morre após inalar gás de cozinha em residência na capital

Capital - quinta-feira, 17/10/2019 às 08h04min
Fisioterapeuta morre após inalar gás de cozinha em residência na capital

O fisioterapeuta Eduardo Alves Medina, 31, foi encontrado morto no final da tarde desta quarta-feira (16) na residência onde morava, localizada na Rua Nova York, próximo a Rua Nova Esperança, bairro Caladinho, na zona Sul de Porto Velho (RO).

O  homem morava sozinho em uma casa de aluguel e morreu após inalar gás de cozinha. Conforme a polícia, o fisioterapeuta teria adaptado uma máscara de inalador infantil na mangueira do gás de cozinha e após abrir o registro do botijão colocou ela no rosto até ir a óbito.

O fisioterapeuta foi encontrado deitado ao lado do botijão, pelo dono da residência, que foi ao local após sentir forte odor de gás. O Samu ainda foi acionado, mas apenas para constatar a morte da vítima.

Policiais Militares, Perícia Criminal, equipe do rabecão e agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) estiveram no local para os procedimentos cabíveis.

Fonte: Jornal Rondônia - Edição


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email