Quinta-Feira, 20 de Janeiro de 2022

PONTE, SEGUNRANÇA E SAÚDE DO GOVERNO DE RONDÔNIA

Após operação da PF, presidente da CPI diz que vai antecipar depoimento do governador do Amazonas

Política - quarta-feira, 02/06/2021 às 12h51min
Após operação da PF, presidente da CPI diz que vai antecipar depoimento do governador do Amazonas
Foto: Divulgação

Banner publicitário das ações do Governo de Rondônia

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM), informou nesta quarta-feira (2) que o depoimento do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), será antecipado para a próxima quinta-feira (10). Inicialmente, a ida de Lima à CPI estava programada para o dia 29 de junho.

A alteração se deu após a Polícia Federal deflagrar nesta quarta-feira (2) uma operação para apurar gastos do Amazonas na pandemia. Desta vez, são investigadas supostas irregularidades na construção do hospital de Campanha Nilton Lins, em Manaus. O governador Wilson Lima e o secretário estadual de Saúde, Marcellus Campêlo, estão entre os alvos das buscas (veja mais abaixo).

“Eu estou marcando a vinda do governador do Amazonas, que tem de dar as explicações necessárias aqui à CPI. A convocação dele estava para o dia 29, e eu farei na próxima quinta-feira. Já está agendado”, disse Aziz.

Segunda Dose de Dezembro

PF faz buscas na casa do governador do Amazonas Wilson Lima

Operação da PF

Um dos objetivos da operação da Polícia Federal é investigar se funcionários da Secretaria de Estado de Saúde fizeram contratação fraudulenta para favorecer grupo de empresários locais para a construção do hospital de Campanha Nilton Lins, sob orientação da cúpula do Governo do Estado.

A Justiça autorizou a quebra dos sigilos bancário e fiscal do governador e do secretário de Saúde.

As buscas foram feitas na casa do governador, Wilson Lima, na sede do governo do Amazonas, na Secretaria de Saúde e na casa do secretário estadual de Saúde, Marcellus Campêlo.

Há um mandado de prisão contra o secretário. Em nota, ele disse que estava viajando, mas está “à disposição” da Justiça e vai “prestar todos os esclarecimentos”.

PONTE, SEGUNRANÇA E SAÚDE DO GOVERNO DE RONDÔNIA

Fonte: G1


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email

Banner publicitário Doutor Potência