Acusado de atacar médico com soda cáustica vai a julgamento em Porto Velho

Capital - quarta-feira, 14/08/2019 às 10h56min • Atualizado 10h59min
Acusado de atacar médico com soda cáustica vai a julgamento em Porto Velho
Foto: Reprodução/Rede Amazônica

O julgamento do acusado de atacar o médico infectologista, Gladson Siqueira, com soda cáustica será realizado na quarta-feira (14) em Porto Velho. Segundo o Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO) o réu será julgado por tentativa de homicídio.

O júri popular está previsto para iniciar às 8h na 1ª Vara do Tribunal do Júri, no Fórum Criminal Fouad Darwich Zacharias, localizado na rua Rogério Weber, 1928.

O crime aconteceu no dia 6 de março deste ano, quando o médico chegava para trabalhar no Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron) na capital.

O suspeito, Oziel Araújo Fernandes, de 41 anos, se entregou a polícia no mesmo dia e confessou o ataque. A Polícia Civil finalizou o inquérito em 10 dias e concluiu que o acusado praticou tentativa de homicídio de forma premeditada. O processo corre em segredo de justiça. Veja Mais

Médico é ouvido por júri através do WhatsApp

A sessão começou por volta de 9h sem a presença da vítima, que depõe via WhatsApp. Gladson está em São Paulo por motivos de saúde, de acordo com o Tribunal de Justiça (TJ-RO).

Não foi permitido que a imprensa fizesse imagens do plenário do Tribunal do Júri porque o processo tramita em segredo de justiça.

Segundo o TJ, serão ouvidas oito testemunhas entre defesa e acusação. O grupo de jurados é formado por quatro homens e três mulheres.

Veja Também: Agende penitenciário que atacou médico diz: Eu queria apenas dar uma prensa nele para não assediar minha mulher

Fonte: Jornal Rondônia - Edição


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email