Quarta-Feira, 03 de Marco de 2021

Operação da Polícia Federal investiga envio de drogas em aviões da FAB

Brasil, Mundo - terça-feira, 02/02/2021 às 09h03min
Operação da Polícia Federal investiga envio de drogas em aviões da FAB
Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.

A Polícia Federal deu início nesta terça-feira (2) a uma operação no Distrito Federal com o objetivo de buscar provas contra um grupo criminoso que utilizou aviões da FAB (Força Aérea Brasileira) para enviar cocaína à Espanha.

A Operação Quinta Coluna cumpre 15 mandados de busca e apreensão e 2 mandados que restringem a comunicação dos investigados e impedem suas saídas do Distrito Federal.

Em junho de 2019, o segundo sargento Manuel Silva Rodrigues, de 38 anos, foi preso em Sevilla suspeito de transportar 39 quilos de cocaína. Ele estava na comitiva do presidente Jair Bolsonaro, que estava em visita ao país. Rodrigues é lotado no GTE (Grupo de Transporte Especial) da FAB. A Justiça Federal do Distrito Federal ainda determinou o sequestro de imóveis e veículos dos envolvidos no esquema criminoso.

As investigações demonstram que, além do sargento preso na cidade de Sevilha, na Espanha, outras pessoas se associaram ao militar para a prática do crime de tráfico de drogas. De acordo com o que foi apurado, pelo menos mais uma remessa de entorpecente foi enviada à Espanha.

Também é investigado o crime de lavagem de dinheiro. Para isso, o grupo adquiria veículos e imóveis com pagamentos em altos valores, sempre em espécie. As investigações não se confundem com os processos por tráfico internacional de drogas que tramitam na Justiça Militar.

Os crimes de associação para o tráfico e lavagem de dinheiro têm penas que vão de 3 a 10 anos de prisão.

Fonte: r7
Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email

Banner publicitário Doutor Potência