Morre na UTI de Vilhena homem que teve corpo queimado; marido é suspeito

Fonte: Jaru Online

Sexta-Feira, 28 de Setembro de 2018 às 16:23

Compartilhar matéria:

Morreu na manhã dessa quinta-feira (27), na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de Vilhena (RO), Daniel Reis de Camargo, de 38 anos. Ele teve o corpo queimado na quarta-feira (26), no Bairro Moisés de Freitas. O marido dele, Ozéias Cassimiro de Camargo, de 33 anos, é suspeito pelo crime.

Segundo o Hospital Regional, Daniel deu entrada na unidade em estado grave, com queimaduras de 1º e 2º graus, em mais de 90% do corpo. Ele foi encaminhado para a UTI, mas sofreu uma parada cardiorrespiratória nessa manhã e faleceu.

Familiares contaram ao G1 que Daniel e Ozéias estavam juntos há mais de 10 anos. Eles oficializaram a união em junho de 2013. A mãe de Daniel, Irene Angela Machado, de 72 anos, relatou que conversou com o filho no hospital.

“Ele disse que foi o Ozéias que jogou gasolina nele e colocou fogo. Meu filho disse que não queria morrer”, lamentou a idosa.

De acordo com o advogado Roberto Mailho, que defende Ozéias, o cliente fugiu por medo da reação de familiares da vítima. Segundo a versão de Ozéias, Daniel teve uma crise de ciúmes, jogou gasolina em ambos e ateou fogo.

“Meu cliente disse que foi um suicídio. O Daniel queria se matar e matar o Ozéias. O Ozéias também teve queimaduras. Já conversei com o delegado e o Ozéias irá se apresentar para esclarecer os fatos”, ressaltou o advogado.

O delegado titular da Delegacia Especializada na Repressão de Crimes Contra a Vida (DERCCV), Núbio Lopes de Oliveira, confirmou que o advogado esteve na unidade e agendou a apresentação do suspeito. “Todas as versões estão sendo investigadas”, afirmou.

Segundo o advogado, o cliente deve se apresentar na próxima semana. Enquanto isso, familiares pedem justiça e querem que Ozéias seja preso.

“Meu irmão gostava da vida. Ele era muito vaidoso. Nunca que ele iria se matar, ainda mais queimado. O Ozéias disse que amava meu irmão, mas porque não fez nada quando viu que ele estava queimando? Um vizinho contou que viu o Ozéias saindo do local e indo embora”, destacou a irmã de Daniel, Ester Reis.

O velório de Daniel está previsto para começar às 17h desta quinta-feira na Capela Municipal Cristo Rei. O sepultamento está marcado para às 17h de sexta-feira (28).

Direção Geral: Vinicius Queiroz
Rua Reverendo Elias Fontes - N°1914, Agenor de Carvalho
Porto Velho/RO. 76820-294
Fone: 69-99993-4921