Polícia identifica apenado como assassino de proprietário de flutuante na Capital

Fonte: Rondoniagora

Quinta-Feira, 06 de Dezembro de 2018 às 07:05

Compartilhar matéria:

 
Policiais Civis da Delegacia de Patrimônio de Porto Velho cumpriram o mandado de prisão preventiva contra o apenado Henrique Gabriel da Silva. Ele é acusado de ter roubado e assassinado Jandir Daniel Benlolo, proprietário de um flutuante, no dia 22 de janeiro de 2016 no Bairro Cai N’Agua. Ele foi localizado pelos policiais no presídio da Capital onde está respondendo pelo crime de tráfico de drogas.
 
De acordo com o delegado José Marcos, durante as investigações testemunhas relataram que Jandir estava no flutuante quando dois homens chegaram anunciando o assalto e perguntando quem era Jandir. A vítima se identificou e os criminosos exigiram que ele entregasse ouro e dinheiro. O proprietário do flutuante estava com aproximadamente R$ 600 no bolso. 
 
Com a arma apontado para as vítimas, um dos criminosos levou Jandir para dentro do depósito de combustível da embarcação exigindo uma bolsa preta onde teria R$ 2 mil. Nesse momento, eles roubaram o aparelho celular de uma funcionária.
 
Ao levantar o braço para pegar a bolsa exigida pelos criminosos, à vítima levou um tiro no peito à queima roupa, os criminosos pegaram a bolsa e saíram do flutuante. O filho da vítima, que estava na beira do rio, também teve seu aparelho celular roubado pelos criminosos. Populares ainda chegaram a socorrer a vítima para o pronto-socorro, mas ela já chegou sem vida. 
 
Os policiais constataram que o criminoso possuía várias passagens pela Polícia pelos crimes de assalto a mão armada, receptação e furto, todos cometidos quando era menor de idade. As duas motocicletas usadas pelos criminosos para fugir foram apreendias pelos policiais. Agora, os policiais trabalham para identificar e prender o comparsa de Henrique Gabriel da Silva.

Direção Geral: Vinicius Queiroz
Rua Reverendo Elias Fontes - N°1914, Agenor de Carvalho
Porto Velho/RO. 76820-294
Fone: 69-99993-4921